quinta-feira, 5 de fevereiro de 2015

TJRJ: Juiz saca e aponta arma de fogo contra Desembargador [ATUALIZADO]


Uma situação completamente inusitada teve lugar no Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro. Nesta quarta-feira (4 de fevereiro de 2014), uma discussão entre o juiz João Batista Damasceno (1ª Vara de Órfãos e Sucessões) e o desembargador Valmir de Oliveira Santos, extrapolou todos os limites da civilidade desembocado numa situação gravíssima. Conforme noticiado pelo Consultor Jurídico, o Juiz João Batista Damasceno, em certa altura dos eventos, sacou arma de fogo e a apontou para o desembargador com quem discutia. 

Conforme noticiado pelo "O Globo", o juiz João Batista Damasceno sustenta que é alvo de sistemática perseguição patrocinada pelo desembargador Valmir Santos. Afirma ainda que somente sacou a arma para defender-se do que suponha ser uma iminente agressão. Informa ainda que não chegou a apontar a arma, mas, tão somente a sacou. Nas palavras do Juiz Damasceno: "Ele me persegue, não sei o motivo. Já me fez ameaças por meio de colegas. Em outra oportunidade, chegou a se levantar da cadeira para ir em minha direção, mas uma desembargadora o conteve".

Por outro lado, o desembargador Valmir Santos relata que foi ameaçado pela magistrado João Damasceno. Afirma ainda que este magistrado teria sacado a arma com o propósito de matá-lo. O desembargador também aproveitou para negar que qualquer espécie de perseguição em relação ao magistrado. Nas palavras do desembargador Santos: "Eu saí atrás dele, sim! Se tivesse uma arma, teria atirado nele. Mas foi ele quem sacou uma pistola para me matar".

Tais eventos ocorreram no Fórum Central e teria ocorrido por motivos pessoais. Foi determinada a abertura de sindicância para averiguar o ocorrido, conforme informado pelo TJRJ. Assim, aguardamos mais notícias para o adequado esclarecimento das peculiaridades que informam o acontecido. 

ATUALIZAÇÃO. Jornal "O Globo" divulga vídeo gravado durante a ocorrência dos eventos relatados. O vídeo foi produzido pelo juiz João Batista Damasceno. Veja abaixo:


video


Nenhum comentário:

Postar um comentário